segunda-feira, 14 de março de 2011

Italiano 10/11 - Bergamo se mantém na ponta

Mais uma rodada do Campeonato Italiano onde os favoritos venceram seus jogos. O Bergamo manteve a ponta da tabela, enquanto o Villa superou o Novara para assumir a terceira colocação, mesmo sem poder contar ainda com Aguero. Na parte baixa da tabela, Modena e Perugia conquistaram vitórias importantes no tie-break e seguem brigando para ficar na A1.

Rebecchi Nordmeccanica Piacenza 1x3 Norda Foppapedretti Bergamo (19-25, 20-25, 25-21, 22-25) - Estatísticas

O Bergamo foi até Piacenza e complicou um jogo que parecia fácil. Após abrir 2-0, quase viu as donas da casa levarem a partida para o tie-break. O Piacenza chegou a abrir 16-7 no quarto set, mas o Foppa se recuperou e garantiu os 3 pontos que o mantiveram na liderança do campeonato. O técnico Davide Mazzanti optou por começar com Lo Bianco mais uma vez, mas não pode contar com Arrighetti, que se recupera de uma contusão no cotovelo. O jogo foi equilibrado, mas nas duas primeiras parciais o menor número de erros do Bergamo garantiram a vitória. No terceiro set o equilíbrio continuou o mesmo, mas com um final diferente. Na quarta parcial, pela primeira vez um time conseguiu abrir grande vantagem, mas o Piacenza não soube o que fazer na frente no placar e deixou o Foppa se recuperar, para tristeza dos dois mil torcedores que compareceram na abertura da rodada (melhor público d Piacenza na temporada). A MVP da partida foi a central romena Iuliana Nucu.

MC-Carnaghi Villa Cortese 3x1 Asystel Volley Novara (27-25, 25-19, 12-25, 27-25) - Estatísticas

O Villa recebeu o Novara no jogo mais esperado da quarta rodada. E o time da casa levou a melhor e chegou à sexta vitória consecutiva e ainda roubou a terceira posição do adversário. O jogo começou muito equilibrado, com um duelo entre Aurea Cruz e Barcellini. Mas a portoriquenha levou a vantagem e com um ataque fechou a primeira parcial para seu time. No segundo set, o Villa teve um pouco mais de facilidade e após ver Sara Anzanello marcar o seu ponto de númro 3000 na história do campeonato, abriu 2-0. No terceiro tudo mudou. O Novara voltou forçando o jogo e sem muita dificuldade diminuiu a diferença no placar. No quarto, o equilíbrio voltou e, com mais lucidez, o Villa reencontrou seu jogo. A parcial seguiu disputada ponto a ponto até o final e o Novara chegou a ter o set point para levar a disputa para o tie-break. Não aproveitou e o Villa somou mais 3 pontos na classificação e segue sendo o time com menos derrotas ao lado do Bergamo.

Scavolini Pesaro 3x1 Florens Castellana Grotte (25-20, 21-25, 25-18, 25-18) - Estatísticas

Na primeira partida após a saída de Destinee Hooker, o Pesaro confirmou o favoritismo e venceu o desfalcado Castellana. O campeão italiano superou a ausência da americana com uma grande partida de Martina Guiggi e, a poucos dias do Final Four da Champions, não teve dificuldade para vencer o jogo. Apenas no segundo set o Castellana Grotte, que não contou com suas duas melhores jogadoras nesse campeonato, Ritschelova e Ravetta, assustou o Pesaro e com grande atuação de Moy venceu a parcial. Nada que atrapalhasse o caminha do Scavolini, que, se não foi brilhante, conseguiu ao menos segurar os três pontos que o mantém na briga pela liderança.

Riso Scotti Pavia 2x3 Despar Perugia (21-25, 25-23, 27-25, 20-25, 7-15) - Estatísticas

No jogo dos desesperados o Perugia foi a Pavia e levou 2 pontos para casa. Os dois últimos colocados no campeonato lutaram muito e fizeram um jogo para lá de disputado. O Perugia começou bem e chegou a abrir 7 pontos de vantagem no segundo set, quando já vencia a partida por 1 a 0. Mas o time da casa não desistiu e conseguiu uma virada incrível. Embalado o Pavia venceu também o terceiro set. Mas o Perugia não iria desistir. Com uma incrível atuação de Quaranta, com 33 pontos, e com a estréia de Simona Rinieri, o time de Terzic mais uma vez assumiu o controle do jogo e levou a partida para o tie-break, que venceu com facilidade. A vitória foi sofrida, mas deixa o Perugia na briga para sair da zona de rebaixamento. Já a situação do Pavia está cada vez mais complicada.

Spes Conegliano 1x3 Yamamay Busto Arsizio (29-27, 17-25, 23-25, 20-25) - Estatísticas

Mais uma vez a torcida do Conegliano lotou o ginásio para ver seu time. Nesse domingo viu uma prata da casa brilhar, mas ela agora vestia a camisa do adversário. Francesca Marcon, nascida na cidade e que jogou na equipe de 97 a 2010, foi o nome do jogo ontem, mas agora ela defende as cores do Busto Arsizio. O Spes mais uma vez não pode contar com Turlea e teve que improvisar Simano Gioli como oposta. A central foi bem, com 25 pontos, mas não foi suficiente. O time ia bem até o final do set, mas não conseguia fechar as parciais. O Busto agradece e com a vitória segue na briga para ficar entre os quatro primeiros. Já o Conegliano, que há pouco tempo era líder "amarga" apenas a sétima posição e terá um jogo duro contra o Novara na próxima rodada para tentar se recuperar.

Liu-Jo Volley Modena 3x2 Chateau d'Ax Urbino Volley (29-27, 25-21, 19-25, 23-25, 15-10) - Estatísticas

No jogo com mais brasileiras do campeonato, vantagem para o time de Fernandinha. O Modena, que teve um ótimo começou, mas que depois enfrentou uma sequência de derrotas, recebeu o Urbino e, após abrir 2 a 0, ganhou a partida no tie-break. Diante de um ginásio lotado, as meninas de Cuccarini lutaram muito para conquistar esses dois pontos contra um adversário que vem embalado pela classificação a semifinal da Copa CEV. O Liu-Jo contou com a volta da central Harmoto como titular, ela que tinha voltado aos EUA para tratar de uma lesão no joelho, e com uma boa apresentação da jovem Laura Partenio. O time ainda segue perto da zona de rebaixamento, mas os dois pontos e a vitória suada podem servir para embalar a equipe. O Urbino agora concentra seus pensamentos na Copa CEV, que pode render uma inédita conquista continental ao time.

Melhores da Rodada -
Maior Pontuadora: Annamaria Quaranta (Perugia) - 33 pontos
Melhor Ataque: Lucia Bacchi (Modena) - 58%
Melhor Bloqueio: Mary Wilson (Urbino) - 9 pontos
Melhor Saque: Annamaria Quaranta (Perugia) - 4 aces

Classificação -

fonte: site da Lega

2 comentários:

  1. Joana e Mariana já devem ter percebido que eu sou fã da Angeloni, e me sinto mega feliz que agora como titular com a saida das estrangeiras ela esteja jogando muito bem.
    Toamara que ela volte pra seleção B italiana

    ResponderExcluir

Qualquer mensagem de conteúdo ofensivo será excluída. Respeitem o voleibol.